Meta: Ler Mais

Como alguns de vocês sabem, tenho 16 anos e estou no segundo ano do ensino médio. Nunca fui daquelas pessoas que nascem sabendo que curso querem sabe? Sempre tem aquela pessoa que aos oito anos de idade fala que quer ser médico, mas mal sabe ela que quando ficar mais velha vai descobrir que simplesmente tem pavor a sangue. Ou então aquela pessoa que gosta de escrever e por isso quer ser jornalista (tipo eu, hãm).

Acontece que quando eu “decidi” que queria jornalismo, não me contentei em simplesmente estudar na universidade da minha cidade. Eu quero mais. Pra mim não basta só fazer o ENEM e ver o que acontece. Admito que se eu quisesse estudar em qualquer outra universidade talvez fosse mais fácil, mas como sou aquela garota sonhadora, quero estudar na USP, e isso significa quase me matar para ler todos os livros que a FUVEST cobra na prova, que são exatamente nove (isso mesmo, nove livros em um semestre):

1. Viagens Na Minha Terra – Almeida Garret

2. Til – José de Alencar

3. Sentimento do Mundo – Carlos Drummond

4. Memórias Póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

5. Memórias de um Sargento de Milícias – Manuel Antônio de Almeida

6. O Cortiço – Aluísio Azevedo

7. A Cidade e as Serras – Eça de Queirós

8. Vidas Secas – Graciliano Ramos

9. Capitães da Areia – Jorge Amado

Seguindo a indicação do meu professor de português, vou começar lendo “Til” (comprei por 20 reais na Livraria Cultura), mas não sei qual vai ser o próximo. O motivo principal para esse post é saber a opinião de vocês, qual deve ser o segundo livro? Vocês já leram algum desses? Tem vontade de ler algum? Diga no comentário que eu ficarei muito feliz!

Beatriz.

Anúncios

5 comentários sobre “Meta: Ler Mais

  1. Memórias de um Sargento de Milícias é rápido de ler e bom. Além disso, história é simples. Eu sugiro ler depois de Til porque talvez algum outro seja chato e você demore muito e fique sem ler mais por conta de um

  2. CAPITÃES DA AREIA! Li no 9º ano e foi bem rapidinho e divertido. Claro, tem muita imoralidade e “coisas” explícitas, mas como diria o meu (cof cof, nosso) professor de literatura: “Jorge Amado é assim”. É assim mesmo!! Memórias de um Sargento de Milícias também é bom, se quiser emprestado eu creio que tenho aqui (foi paradidático do ano passado ^^).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s