#11 Diário de Viagem, Epcot e Último Dia Em Orlando

Sei que estou postando esse post atrasado, sei que ontem não o blog ficou completamente parado, mas por favor entendam que passar o dia andando e depois chegar morta a noite no hotel, ainda ter que jantar e tomar banho e depois postar não é tão fácil assim.

Acordamos hiper cedo e todos estavam animados para ir para o Epcot, um dos melhores parques da Disney na minha opinião. Tudo estava indo perfeitamente bem se eu não tivesse começado com uma crise de cólica horrível. Isso mesmo. Eu mal sentia as minhas pernas. Se você é menina sabe mais ou menos do que estou falando, e se for menino provavelmente vai me chamar de fresca, mas pense o que quiser. Doeu muito.

Passei a manhã no hotel, sofrendo, muito. OK, acho que estou exagerando, mas passei algumas horas no hotel dormindo e esperando a dor passando enquanto as outras pessoas do grupo gastavam dinheiro em algum Outlet qualquer.

Quando todos chegaram, almoçamos juntos e fomos para o parque. Por mais que fosse sexta feira, por mais que fosse férias, o parque estava incrivelmente vazio. Chegamos cerca de uma hora da tarde e conseguimos tranquilamente ir em todos os brinquedos.

O grande lance do Epcot é a interatividade que você tem com outras culturas. Isso mesmo, outras culturas! A ideia do parque é o planeta, a união dos povos, e por isso, ele traz mais de cinco países bem opostos um ao lado do outro, cada um com os seus costumes, comidas e atrações especiais.

Começando pelo Canadá você vai ver muitas montanhas e rios, enquanto no Japão os prédios se destacam por aquele estilo milenar. Você pode almoçar sushi, tacos, pizza, pastéis, cuzcuz e até mesmo um hamburguer! É só saber o que quer comer que em cada país há um restaurante totalmente temático e todas as pessoas que trabalham nele realmente são de lá.

Um dos países que eu mais gosto é o Japão. O que mais me encanta lá é o laguinho com as carpas e a loja central. Você encontra desde Pokemón, até coisas da Hello Kitty, e livros super desconhecidos e raros tanto em inglês como em japonês.

Infelizmente não ficamos para assistir ao lindo espetáculo do parque, que mistura fogos de artifício, fogo e muita água! Assisti ano passado quando vim em excursão e indico muito!

Jantamos no Downtown Disney, o lugar que mais aconselho a se comprar coisas da Disney. Não é tanto pelo preço, porque os itens tem o mesmo valor que os encontrados no parque, mas é pela variedade. Lá tem a maior loja da Disney e é quase certeza encontrar o que você está procurando!

A loja ainda disponibiliza uma área de salão de beleza da Cinderella, que transforma meninas normais em lindas princesas, por um certo preço, claro. Acho que na Disney se deve gastar dinheiro com essas coisas (se você for criança), porque afinal de contas, é disso que se trata não é? Magia, diversão, acreditar nos sonhos? Imagina como seria legal ser uma princesa por um dia!

Chegamos no hotel cerca de onze horas (agora eu explico porquê não postei ontem) e ficamos arrumando as malas para a nossa partida. Isso mesmo, último dia em Orlando! Fiquei acordada até as quatro horas da manhã arrumando mala e tive que acordar as oito para vir para Miami.

(Não há condições de postar nenhuma foto até chegar no Brasil. Entendam que tudo está super bagunçado e tenho que arrumar mala o tempo todo e não dá pra ficar editando as fotos e depois postar aqui no blog! Quando chegar em Fortaleza, posto todas! Obrigada pela compreensão! )

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s