Maratona Literária 2013!

Se você ainda não sabe o que é a Maratona Literária, calma, vou explicar. É um “evento” que acontecerá das 0h00 do dia 29/07 até às 23h59 do dia 04/08! Para participar é bem simples, basta:

1. Publique um post no seu blog – ou, se não for blogueiro, no seu mural no Facebook – falando sobre a maratona e anunciando a sua meta para o desafio.

2. Publique o link do seu post no formulário de inscrição até o dia 27/07, hospedado no blog Café com Blá Blá Blá (AQUI).

3. PARTICIPE (!!!) da maratona, que acontecerá das 0h00 do dia 29/07 até às 23h59 do dia 04/07.

4. Ao final da maratona, será sorteado um mega kit, e para participar desse sorteio você precisa:
– participar de pelo menos um dos desafios diários hospedados pelos blogs participantes: Amount of Words (oi de novo!!!), BookeandoBurn BookCafé com Blá Blá BláPor Essas Páginas e Psychobooks.
– publicar um post ao final da maratona falando sobre o seu desempenho: se cumpriu a meta, quantos livros conseguiu ler, quantas páginas totalizou…
– publicar o link do post de conclusão no formulário do sorteio, que estará disponível no blog Psychobooks.

E com vocês… o mega kit! *barulho de tambor*
– Da Rocco: Cinder
– Da Suma de Letras: Entre o agora e o Nunca | @mor + Emmi & Leo | A Improvável Jornada de Harold Fry
– Da Jangada: Vortex + Botton | Azar o seu + Botton + Marcador + lápis personalizado
– Da Novo Conceito: Kit de Esperando por Você | Kit de O Momento Mágico
– Da Verus: Easy

( tirei do blog Amount of Words! ♥)

Imagem

E esses foram os livros que escolhi para ler nessa semana. Tá, eu sei que muitas pessoas estão escolhendo quatro, cinco livros, mas eu sei que se colocar coisa demais não vou conseguir cumprir minha meta, então por isso, se eu ler um pouco mais de cinquenta páginas por dia vou conseguir ler dois livros em uma semana! ♥

Imagem

(Luna fofa querendo aparecer nas fotos ♥)

ImagemImagem

Della says: OMG! comprei por indicação da Giu Fernandes do blog Amount of Words (já citado aqui no blog! hih) e ainda não tive a oportunidade de ler, e como a ideia do projeto é justamente tirar a poeirinha da sua estante e dar oportunidade para outros livros que você já tem, escolhi também Percy Jackson. Já li quase todos os livros da série, mas abandonei no terceiro livro, queria continuar, mas como não lembro de quase nada da história, resolvi reler. ♥

Imagem

(Luna fofa ♥)

Imagem

Bom, foi isso, espero que tenham gostado! Alguém vai tentar também? Diga que sim e me diga nos comentários! ♥

Anúncios

Lançamentos Intrínseca (Abril)

lancamentos_abril_blog

05/04 — Comandante, de Rory Carroll — Durante os catorze anos em que ocupou a presidência da Venezuela, Hugo Chávez foi um fenômeno político único. Eleito de forma democrática, reinou pelas telas de TV como um monarca em seu trono, incitou adoração e repulsa em proporções equivalentes e procurou se perenizar no poder por mandatos sucessivos. Chamado de “comandante” por seus seguidores, Chávez desafia rótulos e exige uma análise cuidadosa.

O jornalista Rory Carroll, correspondente do jornal britânico The Guardian em Caracas de 2006 até 2012, transpõe os muros do Palácio de Miraflores para traçar um minucioso perfil de Chávez e dos bastidores da vida política venezuelana. Da populosa capital até os rincões mais distantes do país, Carroll retrata as mudanças vividas pelo povo venezuelano, num relato enriquecido por entrevistas com assessores, ministros, cortesãos, adversários políticos e cidadãos comuns. Um registro arrebatador e completo de um experimento único de governo que oscilou entre a iluminação, a tirania, a comédia e a farsa.

05/04 — A síndrome E, de Franck Thilliez — Um estranho caso atrapalha as férias de verão de Lucie Hennebelle, tenente de polícia em Lille, na França. Seu ex-namorado ficou cego depois de assistir a um filme mudo, anônimo, com um roteiro enigmático, concebido por uma mente doentia. Simultaneamente, o comissário Franck Sharko, veterano da Divisão de Homicídios, é chamado para investigar um crime violento. No norte da França, cinco cadáveres não identificados, mutilados de maneira atroz, foram encontrados durante as escavações para construção de um oleoduto.

Enquanto Lucie descobre os horrores escondidos no estranho filme, um misterioso informante do Canadá aponta-lhe o elo entre aquele rolo e os cadáveres, entrelaçando as trajetórias de Lucie e Sharko. Com mais de 500 mil exemplares vendidos na França, A síndrome E teve os direitos de adaptação cinematográfica adquiridos pela produtora Indian Paintbrush (Moonrise Kingdom e Jovens adultos). O roteiro ficará a cargo de Mark Heyman (Cisne negro).

15/04 — Como roubar a espada de um dragão, de Cressida Cowell (Série Como treinar o seu dragão Vol. 9) —Tempos difíceis se aproximam do Arquipélago Barbárico, tão negros que é como se o mundo estivesse sob alguma maldição: de um lado, uma Rebelião de Dragões ameaça a vida de todos os humanos; de outro, Alvin, o Traiçoeiro, pode acabar se tornando o próximo Rei do Oeste Mais Selvagem. A salvação, é claro, está nas mãos de Soluço Spantosicus Strondus III, o mais grandioso Herói já visto em todo o território Viking, e de seu fiel dragão de caça, Banguela.

19/04 — O fim de todos nós, de Megan Crewe — Kaelyn acaba de ver o melhor amigo partir. Ela tem dezesseis anos e voltou agora para a ilha onde nasceu, depois de um período morando no continente; ele está fazendo o caminho inverso, vai estudar fora. O que sentem um pelo outro não está muito claro, ela o deixou ir embora sem nem mesmo dizer adeus, e a última coisa que passa por sua cabeça é nunca mais vê-lo. Mas, pouco tempo depois, isso está bem perto de acontecer.
A ilha de Kaelyn foi sitiada e ninguém pode entrar nem sair: um vírus letal e não identificado se espalha entre os habitantes. Jovens, velhos, crianças – ninguém está a salvo, e a lista de óbitos não para de aumentar. Entre os sintomas da doença misteriosa está a perda das inibições sociais. Nem todos, porém, assistem impassíveis ao colapso da ilha. Kaelyn é uma dessas pessoas. Enquanto o vírus leva seus amigos e familiares, ela insiste em acreditar que haverá uma salvação. Caso contrário, o que será dela e de todos?

19/04 — Como eu era antes de você, de Jojo Moyes — Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado por ela.

Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, passa a cuidar de um tetraplégico. Aos 35 anos Will Traynor é inteligente, rico e costuma descontar toda a sua amargura em quem estiver por perto. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro. Finalista do National Book Awards, o novo romance de Jojo Moyes, autora de A última carta de amor, teve os direitos de adaptação cinematográfica adquiridos pela MGM.

23/04 — Guia de uma ciclista em Kashgar, de Suzanne Joinson — Em 1923, Evangeline English e sua irmã Lizzie embarcam para a antiga cidade de Kashgar, na Rota da Seda, para ajudar a estabelecer uma missão cristã. Lizzie está fascinada por sua poderosa e inflexível líder, Millicent, mas as motivações de Eva para deixar a vida burguesa na Europa não são claras. Juntas, as três mulheres tentam organizar sua nova casa em meio à pobreza local. Ao mesmo tempo, Eva começa a trabalhar no seu livro, um guia para ciclistas que desejem se aventurar por aquela região.

Em Londres, nos dias de hoje, Frieda abre a porta de casa e encontra um homem dormindo no corredor. De manhã ele não está mais lá, mas deixa na parede um belo desenho de um pássaro de cauda longa e uma frase escrita em árabe. Tayeb, que deixou o Iêmen para morar na Inglaterra, apareceu na porta de Frieda no dia em que ela descobriu ser a parenta mais próxima de uma mulher que acabou de morrer, de quem ela nunca ouviu falar e cujo apartamento abandonado contém muitas surpresas. Quando os mundos de Frieda e Tayeb se encontram, os dois iniciam uma amizade improvável e embarcam em uma aventura inesperada, como a de Eva.

 

UHUL, LANÇAMENTOS! Mesmo com quarenta livros para ler eu não consigo parar de comprar livros, qual o meu problema? Me interessei por dois desses livros, alguém arrisca quais são? (:

Qual vai ser a minha próxima leitura? (Abril)

prox leituraNo mês passado eu pedi, vocês votaram, eu li o livro e me apaixonei ainda mais pela Paula Pimenta! Obrigada pela atenção de todos que votaram e ficavam falando comigo pelo Twitter, sério! Vocês fizeram eu me sentir um pouquinho importante. Haha.

Bom, enfim! Os três participantes desse mês são livros em inglês do John Green. Faz um tempo que eu li A Culpa é Das Estrelas (em inglês também) e super me envolvi com a história da Hazel e do Gus! A maneira que o John escreve é tão envolvente e apaixonante que me deixou com saudades, e é por isso que os três livros que vocês vão poder votar são:livrossss1. Looking for Alaska: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras — e está cansado de sua vidinha segura e sem graça em casa. Vai para uma nova escola à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o “Grande Talvez”. Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young. Inteligente, engraçada, problemática e extremamente sensual, Alasca levará Miles para o seu labirinto e o catapultará em direção ao Grande Talvez. Quem é você, Alasca? narra de forma brilhante o impacto indelével que uma vida pode ter sobre outra. Este livro incrível marca a chegada de John Green como uma voz importante na ficção contemporânea. (Esse livro já foi publicado no Brasil como “Quem é você Alasca?”)

2. Paper Towns: Quentin Jacobsen has spent a lifetime loving the magnificently adventurous Margo Roth Spiegelman from afar. So when she cracks open a window and climbs back into his life – dressed like a ninja and summoning him for an ingenious campaign of revenge – he follows. After their all-nighter ends, and a new day breaks, Q arrives at school to discover that Margo, always an enigma, has now become a mystery. But Q soon learns that there are clues – and they’re for him. Urged down a disconnected path, the closer he gets, the less Q sees the girl he thought he knew.

3. Let it Snow: Sparkling white snowdrifts, beautiful presents wrapped in ribbons, and multicolored lights glittering in the night through the falling snow. A Christmas Eve snowstorm transforms one small town into a romantic haven, the kind you see only in movies. Well, kinda. After all, a cold and wet hike from a stranded train through the middle of nowhere would not normally end with a delicious kiss from a charming stranger. And no one would think that a trip to the Waffle House through four feet of snow would lead to love with an old friend. Or that the way back to true love begins with a painfully early morning shift at Starbucks. Thanks to three of today’s bestselling teen authors—John Green, Maureen Johnson, and Lauren Myracle—the magic of the holidays shines on these hilarious and charming interconnected tales of love, romance, and breathtaking kisses.

E aí, qual vocês escolhem? A votação vai até dia 1 de Abril! Estou super ansiosa para a escolha de vocês! Mês passado vocês acertaram em cheio! Fazendo Meu Filme é ótimo! ♥

Lançamentos de Março da Editora Intrínseca!

estante_marco

9/03 – Garota exemplar, de Gillian Flynn – Jornalista e ex-crítica da Entertainment Weekly, Gillian Flynn tornou-se uma das mais aclamadas escritoras de suspense da atualidade. Garota exemplar conquistou crítica e público, teve três milhões de cópias comercializadas e está há 37 semanas na lista de best-sellers do New York Times.

Na manhã do quinto aniversário de casamento, Amy desaparece de casa, às margens do Rio Mississippi. Tudo indica se tratar de um sequestro, e seu marido Nick imediatamente chama a polícia, mas logo as suspeitas recaem sobre ele. Exibindo uma estranha calma e contando uma história bem diferente da relatada por Amy em seu diário, ele parece cada dia mais culpado, embora continue a alegar inocência. À medida que as revelações sobre o caso se desenrolam, porém, fica claro que a verdade não é o forte do casal.
O relato perturbador de Gillian Flynn chegará aos cinemas com produção de Reese Witherspoon. David Fincher (Clube da luta e A rede social) está sendo sondado pelo estúdio para dirigir a adaptação.

11/03 – Os óculos de Heidegger, de Thaisa Frank – Em seu livro de estreia, Thaisa Frank mescla filosofia e romance em uma história inusitada. O cenário é a Operação Postal, programa nazista em que um grupo de intelectuais respondia às cartas enviadas aos prisioneiros dos campos de concentração com objetivo de garantir sigilo sobre a Solução Final.

Certo dia, uma tarefa é passada pelo próprio Goebbels: responder a uma carta do filósofo Martin Heidegger para seu amigo e oculista Asher Englehardt, prisioneiro de Auschwitz. Diante da suspeita de que talvez a prosaica correspondência contenha algum tipo de mensagem cifrada que poderia desmantelar os planos do Terceiro Reich, os escribas e seus líderes se veem às voltas com o desafio de responder ao filósofo de uma forma que desencoraje uma nova troca de cartas e garanta a permanência tranquila do grupo.

12/03 – A hospedeira, de Stephenie Meyer – Nova edição do romance adulto de Stephenie Meyer com capa inspirada no cartaz do filme estrelado por Saoirse Ronan, Max Irons, Jake Abel e Diane Kruger. Com estreia prevista para 29 de março nos cinemas brasileiros, a produção tem roteiro e direção de Andrew Niccol (O Preço do Amanhã, O Senhor das Armas).
A autora de Crepúsculo estreia na ficção científica abordando um triângulo amoroso que envolve apenas dois corpos, numa Terra ocupada por alienígenas que parasitam os humanos, tomando o lugar de suas almas. Melanie é uma hospedeira que resiste, bombardeando a alma invasora com memórias e desejos, recusando-se a esquecer seu passado, inclusive Jared, que se torna a paixão de ambas.

15/03 – O teorema Katherine, John Green –Eleito como Livro do Ano pela Kirkus Reviews e Melhor Livro para Jovens Adultos pela American Library Association, O teorema Katherine é o novo livro de John Green, o aclamado autor de A culpa é das estrelas.

Colin conhece Katherine. Katherine gosta de Colin. Colin e Katherine namoram. Katherine termina com Colin. É sempre assim.

Após o mais recente e traumático pé na bunda, o Colin que só namora Katherines resolve cair na estrada. Dirigindo o Rabecão de Satã, com seu caderninho de anotações no bolso e o melhor amigo no carona, o ex-garoto prodígio, viciado em anagramas e PhD em levar o fora, descobre sua verdadeira missão: elaborar e comprovar o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que tornará possível antever, com pura matemática, o desfecho de qualquer relacionamento.

Uma descoberta que vai entrar para a história, vingar séculos de injusta vantagem entre Terminantes e Terminados e, enfim, elevar Colin Singleton diretamente ao distinto posto de gênio da humanidade. Também, é claro, vai ajudá-lo a reconquistar sua garota. Ou, pelo menos, é isso o que ele espera.

20/03 – Pandemônio, de Lauren Oliver – No segundo livro da série Delírio, Lena Haloway está dividida entre o passado – Alex, a luta pela sobrevivência na Selva – e o presente, em que terá que lutar contra um sistema cada vez mais repressor, sem, porém, se transformar em um zumbi.

A Fox está produzindo o piloto de uma série de tevê inspirada em Delírio, que já tem elenco definido. Daren Kagasoff (astro de The Secret Life of the American Teenager) interpretará Alex, a paixão secreta de Lena Haloway, que será vivida por Emma Roberts.

22/03 – A evolução de Bruno Littlemore, de Benjamin Hale – Bruno Littlemore é diferente de qualquer outro chimpanzé do mundo. Precoce e com uma inteligência acima da média, o jovem Bruno, nascido no zoológico de Chicago, é logo transportado a um laboratório, onde fica sob os cuidados de uma eminente primatóloga chamada Lydia Littlemore. Ao descobrir o talento único de Bruno, Lydia o leva para sua própria casa a fim de supervisionar sua educação e permitir que o animal desenvolva a paixão por artes plásticas. Mas, apesar de todos os dons de Bruno, o chimpanzé tem dificuldade em enjaular seus instintos mais primitivos.

30/03 – O diário de Helga, Helga Weiss – Calcula-se que das 15.000 crianças que passaram pelo campo de internamento de Terezín, na antiga Tchecoslováquia, apenas 100 chegaram com vida ao fim da Segunda Guerra Mundial. A respeitada artista plástica Helga Weiss é autora de um dos mais comoventes testemunhos do Holocausto. Aos 83 anos, ela vive em Praga, no mesmo apartamento em que morou com os pais antes da deportação.

Em 1938, por ocasião da ocupação nazista em seu país, a menina de 8 anos, filha de um bancário e uma costureira, começou a escrever e a desenhar suas impressões sobre tudo que aconteceu com sua família. Em um caderno, Helga narra a segregação dos judeus ainda em Praga, a desumana rotina de privações e doenças de Terezín e sua peregrinação ao lado da mãe por campos de extermínio como Auschwitz, onde escapou por pouco da câmara de gás.

UHUL! Quem aí está animado com tantos lançamentos? 

 

Qual o próximo livro que eu vou ler?

livrosFinalmente voltei com o (maravilhoso) habito de ler livros. No começo do blog, vocês puderam ver o quanto alucinada por leitura eu estava, mas infelizmente, depois de alguns meses ler se tornou uma obrigação e eu me desanimei.

Sempre fui aquele tipo de pessoa que entra em uma livraria e não pode sair sem nada sabe? E até aí tudo bem, porque eu lia todos os livros que eu comprava, mas sempre tem aquele que a gente encosta na estante e esquece né? Pois é.

Quando fui organizar meu quarto na semana passada, me deparei com 40 livros não lidos, entre eles, inglês e português. Fiquei horrorizada, não sabia que era tão consumista assim! Separei uma parte do meu quarto só para eles, para que todo dia quando eu acordasse, visse quais são os livros que eu preciso dar preferência antes de comprar novos.

Até agora está funcionando, mas vim pedir a ajuda de vocês para escolher o próximo livro que eu vou ler (e consequentemente, resenhar para vocês). Já vi essa ideia em outros blogs e acho super interessante! Quem sabe eu não faço isso todo mês?

Separei três livros. Um que eu estou morta de vontade de ler, outro que eu estou mais ou menos com vontade de ler, e outro que eu simplesmente não entendi ainda porque escolhi ele.

livross1. Fazendo Meu Filme: Tudo muda na vida de Fani quando surge a oportunidade de fazer um intercâmbio e morar um ano em outro país. As reveladoras conversas por telefone ou MSN e os constantes bilhetinhos durante a aula passam a ter outro assunto: a viagem que se aproxima.
“Fazendo meu filme” nos apresenta o fascinante universo de uma menina cheia de expectativas, que vive a dúvida entre continuar sua rotina, com seus amigos, familiares, estudos e seu inesperado novo amor, ou se aventurar em um outro país e mergulhar num mundo cheio de novas possibilidades.

2. A Última Música: Aos dezessete anos, Verônica Miller, ou simplesmente Ronnie, vê sua vida virada de cabeça para baixo, quando seus pais se divorciaram e seu pai decide ir morar na praia de Wrightsville, na Carolina do Norte. Três anos depois, ela continua magoada e distante dos pais, particularmente do pai. Entretanto, sua mãe decide que seria melhor para os filhos passarem as férias de verão com ele na Carolina do Norte. O pai de Ronnie, ex-pianista, vive uma vida tranquila na cidade costeira, absorto na criação de uma obra de arte que será a peça central da igreja local. Ressentida e revoltada, Ronnie rejeita toda e qualquer tentativa de aproximação dele e ameaça voltar para Nova York antes do verão acabar. É quando Ronnie conhece Will, o garoto mais popular da cidade, e conforme vai baixando a guarda começa a apaixonar-se profundamente por ele, abrindo-se para uma nova experiência que lhe proporcionará uma imensa felicidade – e dor – jamais sentida. Uma história inesquecível de amor, carinho e compreensão – o primeiro amor, o amadurecimento, a relação entre pais e filhos, o recomeço e o perdão – A ULTIMA MÚSICA demonstra, como só Nicholas Sparks consegue, as várias maneiras que o amor é capaz de partir e curar seu coração.

3. O Reino de Mira: Do que você seria capaz para proteger aqueles que ama? O Reino de Mira traz à tona a história de Mira, uma princesa cheia de responsabilidades que vive em um castelo cercado por um magnífico e pacífico reino. Entretanto, os tempos trazem surpresas à garota e desafios vão se traçando para ela e seu melhor amigo, Pedro. A chegada inesperada de uma nova personagem muda todo o rumo da história e obriga Mira e Pedro a embarcarem na maior aventura de suas vidas. Juntos adentrarão em uma jornada mágica, onde o impossível se torna possível, onde mistérios vivem promissoramente e o destino é cada vez mais incerto.

Aiaiai! Qual vocês escolhem? O período de votação é até o dia 1 de março! 


 

Cabine Literária Clube: A Bússola de Ouro

a bussola de ouroComo uma boa blogueira viciada em livros, é claro que eu conheço o Cabine Literária! O canal do YouTube é composto pelo Gabriel e o Danilo, que se juntam (nem sempre) para gravar vídeos semanais para a internet, onde dão a sua opinião de diversos livros, sejam eles lançamento ou não.

Os dois são engraçadíssimos e além de gravarem vídeos, tem uma página no Facebook onde conversam com outros leitores e avisam de todas as promoções imperdíveis que estão acontecendo no momento.

Sem falar no grupo de leitura que eles mesmo organizam! Da última vez foi o livro “O Pistoleiro”, e agora é o meu queridíssimo “A Bússola de Ouro”! O grupo consiste em: ler o livro, fazer uma resenha em vídeo seja positiva ou negativa dando sua opinião e uma nota para o livro. Todos são muito bem vindos!

Fiquei muito animada com a escolha desse livro. Tenho uma história com “A Bússola de Ouro” e estou muito ansiosa para ler o livro novamente. Li quando era mais nova e lembro que tive muita vontade de ter um furão depois que terminei (e ainda tenho). A única diferença é que dessa vez vou ler em inglês. Pois é, isso mesmo!

Quando terminei de ler o livro em português, disse para todo mundo que ia ler em inglês, e minha avó queridíssima comprou a edição única com os três livros e adivinhem só? Eu nunca li. Claro, eu era nova demais! Mas agora as coisas vão ser diferentes e estou bastante confiante que vou conseguir terminar o livro.

Bati algumas fotos da versão em inglês que eu tenho:

bussolalivrotitulolateraldarkmaterialsMeu exemplar está bastante velhinho, deve ter cerca de uns seis ou sete anos e por isso estava bem empoeirado! Imaginem a crise de espirros que eu tive quando tirei esse velhinho da estante.

Pois é pessoal é isso! Então já sabem que em breve vai ter resenha nova né? Finalmente! Alguém ai já leu o livro?